Introdução à Ayurveda

Introdução à Ayurveda

Ayurveda representa um sistema complexo de cura natural originado da Índia. Em Sânscrito, a palavra Ayurveda significa “Ciência da Vida”. “Ayus” significa “vida” e refere-se à energia fundamental da vida. “Veda” significa conhecimento ou, por outras palavras, ciência. Assim sendo Ayurveda representa um tesouro inestimável de conhecimento teórico e prático que nos ajuda a encontrar as melhores formas de melhorar a vida do ser humano. O sistema Ayurvédico tradicional apareceu e foi praticado numa base regular na Índia, há 5000 anos. As fontes escritas daqueles tempos afirmam que Ayurveda representa a ciência tradicional mais antiga para curar e manter a saúde. Bem conhecido, e espalhado muito para além da região geográfica da Índia, Ayurveda ofereceu, ao longo do tempo, a base teórica e prática para construir outros sistemas de cura tradicionais, conhecidos hoje como vários ramos da medicina alternativa.

Presentemente, Ayurveda representa a forma mais expandida, e ao mesmo tempo, a mais fácil de entender o sistema da cura natural. Por essa razão, houve um forte interesse no conhecimento de Ayurveda na maior parte de países ocidentais recentemente, conjuntamente com uma preocupação mais intensa de aplicação prática dos métodos terapêuticos revolucionários que estão incluídos nesta ciência antiga. Por isso, presentemente, alguns trabalhos contemporâneos afirmam que Ayurveda pode em breve tornar-se a ciência médica natural deste planeta, devido à sua simplicidade e acessibilidade.

Ayurveda

Ayurveda

Na ciência Ayurvédica antiga, o estado da saúde de um ser humano representa um estado de equilíbrio e harmonia que é estabelecida tanto entre as forças vitais subtis diferentes que animam o ser humano, bem como entre o Microcosmo do ser humano e o ambiente exterior (Macrocósmico) no qual ele vive. Na visão da sabedoria milenar do sistema Ayurvédico, equilíbrio individual e a harmonia do ser humano com o Universo apresenta tanto uma dimensão vertical, ascendente e evolutiva, bem como uma dimensão horizontal, da interacção relacional.

O estado da saúde representa uma condição dinâmica do ser humano. É uma expressão de equilíbrio e harmonia experimentada a todos os níveis do ser. Para o ser humano que aspira em conseguir o estado da comunhão extática com o Deus com todo o seu coração, que implica a liberdade interior completa, o equilíbrio e a harmonia representam as condições da sua manifestação. Por isso, é fácil entender por que é necessário para o ser humano que honestamente aspira a viver totalmente o estado da liberdade espiritual em ganhar e manter a saúde muito boa. Um bom estado de saúde tanto física, psíquica e mental condiciona o ser humano e oferece-lhe uma visão clara na Realidade de Deus. Compreendido desta forma, como uma expressão de equilíbrio interior e harmonia com o exterior, a saúde representa a condição básica para alcançar a perfeição espiritual e a fusão definitiva com Deus Pai.

Nesta direcção, uma dos famosos escritos da Ayurveda, “Sushruta-Samhita” diz: ”A ciência da vida (Ayurveda) é eterna e dá méritos, prestígio, felicidade, longevidade, os meios de viver, e oferece ao ser humano o acesso ao Céu divino (Deus)”.